São Paulo: Feira do Trabalho do Anhangabaú garante oportunidades para empresas e empregados

maio 18, 2012

Fonte: Prefeitura de São Paulo

Feira do Trabalho do Anhangabaú garante oportunidades para empresas e empregados

A Feira do Trabalho tem atraído cada dia mais trabalhadores interessados nas vagas de emprego oferecidas e no diferencial do evento, que tem proporcionado o contato direto entre os profissionais e as áreas de Recursos Humanos das empresas. Cerca de mil candidatos já foram encaminhados para processos seletivos.

Com mais de seis mil atendimentos em quatro dias, a Feira do Trabalho, organizada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho (Semdet), tem atraído cada dia mais trabalhadores interessados nas vagas de emprego oferecidas e no diferencial do evento, que tem proporcionado o contato direto entre os profissionais e as áreas de Recursos Humanos de empresas como Pão de Açúcar e Mc Donald’s. Antes do término da primeira semana do evento, já foram encaminhados cerca de mil candidatos para processos seletivos e pelo menos 200 pessoas saíram do evento com a carteira assinada. Foram disponibilizadas mais de 5 mil vagas, sendo que aproximadamente mil estão sendo oferecidas diretamente pelas empresas presentes no evento.

 

Ampliando ainda mais as oportunidades, na segunda semana do evento duas novas empresas começarão a ofertar vagas. A Sodexo e a Teleperformance trarão mais 520 vagas em cargos como telemarketing receptivo, ajudante de cozinha, copeira, cozinheiro, auxiliar de limpeza e de produção, além de serviços gerais para deficientes físicos e também para jovem aprendiz, este último na faixa etária de 18 a 21 anos.

 

Para o secretário de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho, agregar serviços na Feira do Trabalho e contar com a presença de empresas fazendo a seleção no local otimizou o tempo do trabalhador. “Facilitamos a busca por uma nova colocação, aproximando o empregador dos candidatos. Nossa estrutura profissional está a serviço do público para ampliar as oportunidades aos munícipes. Mesmo os menos preparados para as vagas disponíveis, têm a chance de participar de palestras e cursos que podem indicar as deficiências a serem sanadas a fim de melhorar o desempenho em outros processos seletivos”, ressalta.

 

Exemplo de sucesso na busca por colocação profissional na Feira do Trabalho, o porteiro Flávio Henrique Alves, 32 anos, conseguiu ser contratado pela empresa Speed Gold, que terceiriza serviços de zeladoria, limpeza e manutenção. Ele já começou a trabalhar. “Eu estava desempregado desde o final do ano passado e com dificuldade de arrumar emprego. Fiz uma média de 30 entrevistas e me sentia desestimulado. Aqui na feira, passei pelo processo normal do CAT, que conheci pelos estandes, e a Speed Gold me ofereceu uma oportunidade”.

 

E não é apenas quem busca trabalho que sai satisfeito da feira. Os contratantes também tiveram expectativas superadas, como a empresa Zafer (empresa terceirizada do grupo RGIS – líder mundial no seguimento de inventários), que montou estande na feira, ofertando vagas de conferente de mercadoria e auditor – média salarial R$ 700 a R$ 800. Inicialmente foram para feira com 250 vagas, mas, após constatada a grande procura, abriram mais 150 vagas, totalizando 350 vagas  e 299 pessoas já foram contratadas.

 

“Um evento como esse é uma grande oportunidade. Para nós que somos empregadores é um sucesso total porque a nossa empresa não exige experiência, já que nós aplicamos um treinamento. Nós já trabalhamos com o CAT, e temos uma boa rotatividade, mas em um evento grande como esse, nós nunca tínhamos participado. Nós trabalhamos em toda São Paulo e no grande ABC e estávamos com defasagem de mais de 50 pessoas e nós viemos com essa meta de contratação. A meta aumentou, pois o cliente viu o nosso sucesso na contratação e ele irá abrir novos projetos que não eram iniciados por falta de funcionários”, disse Vanderson Camargo, assistente do departamento de seleção da Zafer.

 

Além da busca por vagas, os visitantes da Feira do Trabalho têm acesso a outros órgãos como a OAB, Poupatempo e INSS, além de serviços do CAT, consulta ao Serviço Central de Proteção ao Crédito, do Posto Avançado de Conciliação Extraprocessual do Trabalhador (Pacet). Também há atendimento a pessoas com deficiência pelo Programa Inclusão Eficiente.

 

Os interessados em obter crédito para iniciar um negócio, contam com equipes do banco de microcrédito São Paulo Confia e também com orientação da Secretaria Especial do Microempreendedor Individual para formalização.

 

Serviço

 

Feira do Trabalho
Data: até 25/5/2012 (não há atendimento no final de semana)
Horário: das 9h às 17h
Local: Vale do Anhangabaú (em frente aos Correios)

 

 



Outras Notícias em São Paulo



Comentários estão encerrados.

Next post: