Macaé: Secretaria de Ambiente fecha o canal da Lagoa

junho 29, 2012

Fonte: Prefeitura de Macaé

A Secretaria de Ambiente esteve nesta sexta-feira (29) na Praia das Pedrinhas para fechar o cordão de areia, do canal vertedouro, da Lagoa de Imboassica. A ação aconteceu em parceria com a Secretaria de Limpeza Urbana, com o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e com o município de Rio das Ostras. O procedimento foi necessário depois da abertura clandestina do canal, na madrugada de quinta (28), ocasionando a diminuição do nível de água.

De acordo com o secretário de Ambiente, Romulo Campos, o fechamento do canal foi necessário para que a lagoa esteja com a profundidade dentro do limite mínimo, que é de 80 centímetros. A preocupação era com o período de estiagem, o que poderia reduzir ainda mais o nível de água, o que facilita a pesca predatória.

Para evitar novas aberturas, é necessário que seja feito ronda noturna no local. Uma reunião está agendada com o secretário de Ambiente de Rio das Ostras, Ivan Noé Freitas Antunes, para o início da próxima semana. A intenção é realizar uma ação conjunta entre as duas cidades, para intensificar a vigilância no local.

A Lagoa teve o canal vertedouro aberto pela Secretaria de Ambiente no dia 11, por conta das chuvas, que resultou no aumento do nível de água e alagamento das ruas próximas ao local.



Outras Notícias em Macaé



  • Dilma diz que até 2018 universalizará a banda larga no país

    A presidenta da República e candidata à reeleição pelo PT, Dilma Rousseff, disse hoje (20) que, se reeleita, universalizará a banda larga no país até 2018. Segundo ela, universalizar significa que 90% dos domicílios terão banda larga, via fibra ótica,

  • Aécio promete choque de infraestrutura no país

    O candidato do PSDB à Presidência República, Aécio Neves, disse hoje (20) que vai promover um choque de infraestrutura em diversas regiões do Brasil. Em visita ao Pará, ele prometeu, caso eleito, ampliar os investimentos do governo federal em saúde

  • Temer e Cardozo defendem ressarcimento de desvios na Petrobras

    O vice-presidente da República, Michel Temer, considerou que após serem identificados os responsáveis e a dimensão dos prejuízos, a União deve buscar o ressarcimento dos recursos que foram desviados na Petrobras. “É uma inciativa legitima da União, politicamente correta e

Comentários estão encerrados.

Next post: