Florianópolis: Prefeitura inicia trabalho com moradores de rua

dezembro 10, 2013

Fonte: Prefeitura de Florianópolis

foto/divulgação: Petra Mafalda/PMF

Reunião no gabinete do prefeito definiu operação em Canasvieiras

 

A Prefeitura de Florianópolis deflagra às 16 horas desta quarta-feira (11) uma força-tarefa para abordagem dos cerca de 50 moradores de rua de Canasvieiras, a ser coordenada pela Secretaria da Assistência Social (SEMAS).

A iniciativa visa a apaziguar movimento de incitação à violência contra eles. Diante da necessidade de uma ação emergencial por parte do poder público municipal, o prefeito Cesar Souza Júnior determinou o estabelecimento, junto à sede da intendência, de uma base operacional – cuja atuação se dará em dias aleatórios.

Neste sentido, num primeiro momento estão sendo deslocados seis guardas municipais, funcionários da Secretaria da Saúde, assistentes sociais e agentes da Secretaria Executiva de Serviços Públicos (SESP). As polícias Civil e Militar darão apoio à Prefeitura.

Em reunião na tarde desta terça-feira (10), ficou acertado que será realizado um feirão de emprego em Canasvieiras, aos moldes do que ocorreu na praça Fernando Machado, Centro, na semana passada. O evento, que será organizado pelo Instituto de Geração de Oportunidades de Florianópolis (IGEOF), acontecerá no dia 19 de dezembro, sendo que está prevista a participação do Instituto de Identificação da Secretaria de Estado da Segurança Pública para emissão de carteiras de identidade das pessoas que precisarem do documento para fins de contratação.

 “Vamos precisar ter uma ação forte. A sociedade está precisando de uma resposta e a gente não pode se omitir”, justificou o prefeito. O início da operação se dará com a presença do prefeito e de colaboradores de governo, na sede da intendência, à avenida das Nações, 195.

“O morador de rua, hoje, é apontado por tudo que de ruim acontece naquela região”, afirmou o Secretário de Assistência Social, Alessandro Abreu. Segundo levantamento feito pela SEMAS e pela Guarda Municipal, a maioria dos moradores de rua que lá se encontram são homens, usuários de crack e que não querem ser submetidos a tratamentos contra a dependência química.



Outros posts em Florianópolis



  • Solenidade de formatura no Morro do Horácio

    foto/divulgação: Roberto Machado Moradores capacitados pela Defesa Civil de Florianópolis Vinte e oito moradores do Morro do Horácio serão diplomados pela Defesa Civil de Florianópolis nesta segunda-feira (15), após concluírem o Curso de Gestão de Risco e Desastres. Por um

  • Reuniões do Plano Diretor entram na retal final

    foto/divulgação: arquivo Moradores discutem no bairro o novo Plano Diretor Prosseguem nesta quarta-feira (17) as oficinas públicas do Plano Diretor de Florianópolis. Nesta etapa, os encontros abertos à comunidade acontecerão em Ratones, Santo Antônio de Lisboa e Rio Vermelho, todos

  • Boxe Olímpico no Parque de Coqueiros

    foto/divulgação: Roberto Machado Isadora,7, participa do projeto e estuda na EBM Almirante Carvalhal O projeto Boxe Social fez apresentação neste sábado(13) no Parque de Coqueiros. Sob a coordenação do agente da GMF, idealizador do programa, Deniz Silva reuniu alunos das

  • Creche Otília Cruz será inaugurada na quarta

    foto/divulgação: Ricardo Medeiros Creche será inaugurada no próximo dia 17, às 10h Será inaugurada oficialmente nesta quarta-feira (17), às 10 horas, a Creche Professora Otília Cruz, na Coloninha, região continental. Depois de quase quatro anos, o estabelecimento de ensino volta

  • Espetáculo Hipotermia estreia no Teatro da Ubro

    foto/divulgação: Sérgio Vignes Montagem teatral aborda últimos momentos na vida de um homem Celebrando 30 anos de carreira teatral, o ator Nazareno Pereira enfrenta um novo desafio nos palcos de Florianópolis. Após décadas de atuação no grupo Teatro Sim... Por

Comentários estão encerrados.

Next post: