Brasília: Comemore o ano novo na Esplanada

dezembro 29, 2011

Fonte: Prefeitura de Brasília

Shows vão garantir a animação dos brasilienses que prestigiarem a festa

Da Redação

O Governo do Distrito Federal preparou uma programação especial para quem vai comemorar a virada do ano novo na Esplanada dos Ministérios. Além da tradicional queima de fogos à meia noite, vários shows vão animar os brasilienses.

 

A primeira atração da noite são os Móveis Coloniais de Acaju, começando às 20h20. A banda brasiliense, cujo nome homenageia a obscura Revolta do Acaju, episódio histórico acontecido na Ilha do Bananal, utiliza vários instrumentos, como gaita, trompete, escaleta, flauta, além de guitarra, bateria e baixo, para produzir um som em que mistura rock e ska. A banda toca até as 21h, quando será substituída pelo reggae de Natiruts. A banda brasiliense surgiu em 1996, defende o reggae de raiz e incorporou ao som uma grande influência brasileira.

 

O samba de Arlindo Cruz e da Bateria Nota Show animam o público para a contagem regressiva para 2012. Atualmente, Arlindo segue carreira solo, na evolução do samba. Da Madureira do Império Serrano e do Pagode do Arlindo, das rodas de partido-alto de quartas à noite e domingos à tarde na quadra do bloco carnavalesco Cacique de Ramos, Arlindo Cruz prossegue essa linhagem há mais de 30 anos.

 

Após a queima de fogos, começa a etapa sertaneja da noite. O show de Pedro Paulo e Matheus começa às 00h30. A dupla já tem 11 anos de carreira e gravou seu primeiro DVD em 2008, na FACITA em Taguatinga.

 

João Bosco & Vinícius finalizam as festividades do réveillon. Com CD lançado em maio deste ano, a dupla tem foco no público jovem e promove uma nova fase da música sertaneja.

 

 

PROGRAMAÇÃO OFICIAL

 

RÉVEILLON 2011/2012 – DISTRITO DEFERAL

 

De 20h20 a 21h – Movéis Coloniais de Acaju

 

De 21h20 a 22h20 – Natiruts

 

De 22h40 a 0h25 – Arlindo Cruz e Bateria Nota Show

 

De 0h30 a 1h20 – Pedro Paulo e Mateus

 

 

A partir de 1h40 – João Bosco e Vinícius

 

Foto: Divulgação



Veja também em Brasília



Comentários estão encerrados.

Next post: